Artigos publicados

A primeira Residência brasileira de Medicina de Família dentro de uma instituição privada: a experiência das residentes

Download

Artigo publicado em 12/2010. Local de publicação: O Mundo da Saúde

Resumo

A Medicina de Família é uma especialidade médica que propõe um novo modelo de profissional médico, com enfoque de formação diferenciada, centrada no cuidado do indivíduo, em atenção continuada e abrangente, coordenando também os componentes biopsicossociais. O médico de família credencia-se para responsabilizar-se pelo paciente no contexto hospitalar e contribuir para a coordenação dos cuidados, gerando por consequência uma maior qualidade no atendimento e satisfação por parte do paciente e seus familiares pelos cuidados recebidos. Seu enfoque centrado na pessoa contribui para que mesmo no ambiente hospitalar haja maior tranquilidade para a ponderação tanto do uso de recursos diagnósticos e terapêuticos muitas vezes desnecessários ou ineficazes, quanto no cuidado na aplicação de intervenções muito distantes da realidade doméstica do paciente e que após seu retorno para a casa deverão ser mantidas, tornando sua rotina mais difícil resultando em baixa aderência ao tratamento. A partir destas reflexões iniciais, o programa de residência médica em Medicina de Família é abordado com uma análise individual das atividades realizadas e as experiências cotidianas são comentadas a partir de casos clínicos vivenciados pelas residentes. E após 6 meses dentro de jornada da residência temos segurança em afirmar que hoje fazemos a medicina que sonhamos e que na prática, esta medicina faz a diferença na vida de nossos pacientes e seus familiares e que Medicina de Família é possível, e num país com tantas desigualdades sociais como o nosso, desponta com uma alternativa viável para uma saúde mais justa e humana.